GUIA INSS 2019 – Saiba com Calcular, Emitir e Pagar o GPS

A Guia INSS 2019 é um documento muito importante dentro da vida de muitos brasileiros, e por este motivo, precisa ser entendida em todos os sentidos e dentro de todos os seus detalhes, para que os cidadãos saibam exatamente o que ela é e para que ela serve.

Com base nisto, oferecemos este artigo, que procura detalhar não apenas o que é a Guia INSS, mas também mostrando para que ela serve, e mostrando detalhes importantes sobre como proceder para realizar seu cálculo e também sobre como inseri-la no débito automático.

Portanto, se você é um cidadão que realiza contribuições ao INSS, você precisa ler as próximas linhas deste artigo com muita atenção, pois será por meio desta leitura que você saberá mais sobre este importante item que é a tabela INSS 2019.

Guia INSS 2019

Pois bem, para quem ainda possa não saber, a Guia da Previdência Social (GPS), que é popularmente chamada de Guia INSS, nada mais é do que um documento criado para fazer o recolhimento das contribuições sociais.

GUIA INSS 2019

Ela poderá ser utilizada por praticamente todos os agentes envolvidos no processo:

  • Pela empresa;
  • Pelo contribuinte individual;
  • Pelo segurado especial;
  • Pelo empregador doméstico;
  • Pelo contribuinte facultativo.

Ela poderá ser emitida para que o pagamento da contribuição seja efetuado em qualquer casa lotérica, em agências dos bancos conveniados (verificar por região), em correspondentes bancários ou por débito em conta-corrente. É um documento importante, especialmente por permitir ao cidadão contribuinte, efetuar os pagamentos devidos.

Como é feito Cálculo Guia INSS

Outro item importante para quem deseja entender melhor a Guia INSS, tem a ver com o cálculo dos valores, que poderá ser feito diretamente no site oficial do Instituto Nacional do Seguro Social.

A vantagem de calcular a Guia INSS pela internet reside no fato de que por este procedimento, o cidadão evita a necessidade de ter de se dirigir até o Centro de Atendimento ao Contribuinte da Receita Federal, evitando também filas e longas esperas. Tudo é feito pela internet, sem perda de tempo e com muita agilidade.

Acesse:

GUIA INSS 2019

É importante lembrar que a Guia INSS só poderá ser gerada para um mês específico ou então para um período, desde que este seja menor do que 5 anos.

Neste link informado, haverá um botão que permite ao contribuinte calcular a Guia INSS, bastando clicar sobre este botão que diz “Calcular Guia/Carnê” (haverá também outro botão que diz “Débito Automático”, mas falaremos dele adiante).

Ao clicar neste botão, o contribuinte será direcionado para página da DataPrev. O contribuinte deverá escolher a categoria na qual se encaixa, informar o número do PIS/PASEP e em seguida, digitar o código de verificação de segurança e clicar em “Confirmar” depois disto.

O cálculo da Guia INSS será feito e o contribuinte poderá emitir esta guia para efetuar o pagamento se dirigindo até um dos locais que foram citados anteriormente e pagar sua contribuição do INSS.

Como Pagar Guia INSS no Débito Automático

Pois exatamente como falamos anteriormente, agora chegamos a opção do débito automático, que poderá ser inserido, facilitando em muito a vida do contribuinte na hora de pagar a Guia INSS.

Para fazer esta opção de inserir o débito automático para a Guia INSS, o contribuinte deverá, mais uma vez, acessar o site do INSS, que é o já citado acima.

Está gostando do conteúdo? Deixe seu like nas rede sociais ao lado e ajude o site a crescer! Caso tenha alguma dúvida, basta comentar nas nossas redes sociais.

GUIA INSS 2019

Nele, ao lado do botão amarelo que diz “Calcular Guia/Carnê”, haverá outro botão amarelo, que diz “Débito Automático”, que deverá ser clicado pelo contribuinte, para que o mesmo seja direcionado para uma página que explica como proceder.

A comodidade do débito automático para quem deseja pagar a Guia INSS e fazer suas contribuições sem qualquer risco de atraso ou de esquecimento será dada pela Receita Federal e pela Previdência Social.

Tudo irá depender da política da instituição financeira na qual o contribuinte tenha conta, mas normalmente, será possível fazer a solicitação do débito automático para a Guia INSS através do caixa eletrônico.

Haverá também a possibilidade de realizar a solicitação do débito automático por meio do home banking (nternet), sempre de forma rápida, simples, moderna e extremamente cômoda.

Será fundamental que o contribuinte que deseja inserir o débito automático procure realizar a consulta o banco no qual é correntista, pois, como já foi dito anteriormente aqui, a política e os procedimentos variam de instituição para instituição.

O próprio INSS e a própria Receita Federal recomendam que, após fazer a solicitação de inserção do débito automático, que o contribuinte só interrompa os pagamentos apenas após a confirmação de que o banco realizou o primeiro débito automático com sucesso.


Desta forma, o contribuinte não precisará mais calcular e emitir a Guia INSS, e garantirá o pagamento de sua contribuição sem a necessidade de ter de sair de casa para isto, e sem correr os riscos de se esquecer de fazer este pagamento.


Agendamento INSS – Como fazer

Caso você não saiba, é possível para o contribuinte realizar o Agendamento INSS de duas formas: pela internet ou por telefone. Com base nessa informação, agora nós vamos explicar cada uma delas de modo detalhado, para que você consiga escolher a que for mais interessante e viável para você. Acompanhe:

GUIA INSS 2019


Primeiro passo: Antes de tudo, o contribuinte precisará acessar o link oficial da Previdência Social:  agendamento.inss.gov.br.


Segundo passo: Após conseguir realizar o acesso, ainda na página que se abrir, o contribuinte terá que clicar na opção que diz “Selecione ou digite o serviço desejado”, para só então, após isso, conseguir escolher o tipo de atendimento que deseja solicitar o requerimento.


Terceiro passo: Depois de realizar o segundo passo, o contribuinte irá precisar inserir o código verificador de segurança e após, clicar no botão “Avançar”, para então escolher uma agência que seja mais próxima da sua casa e concluir o Agendamento INSS 2019 Online com êxito.

Essa é uma excelente opção, uma vez que já que tem a comodidade e a modernidade trabalhando lado a lado, permitindo, assim, agendar serviços com toda a comodidade e sem a necessidade de encarar grandes filas, escolhendo dia e horário, e deixando marcado.


Essa é a opção online, mas para quem prefere realizar o procedimento pelo telefone do INSS, é só ligar para o número 135, que é o contato de discagem direta para a Previdência Social, e que funciona em horário comercial: de segunda a sexta-feira, das 7 às 22 horas.

Há também uma lista de serviços que poderão ser feitos através do telefone, mas o principal serviço é o Agendamento INSS para realizar o exame de perícia médica. Os outros serviços oferecidos são os seguintes:

  • Pensão por morte;
  • Auxílio-doença;
  • Pedido de prorrogação de auxílio-doença;
  • Pedido de reconsideração de auxílio-doença;
  • Salário maternidade;
  • Auxílio-reclusão;
  • Benefício assistencial;
  • Pedido de certidão de tempo de contribuição;
  • Pedido de encaminhamento de requerimento de aposentadoria.

Caso tenha alguma dúvida a respeito do de como emitir o Guia INSS 2019 ou alguma outra informação a respeito do INSS deixe o seu comentário agora mesmo para que possamos esclarece-lo o mais breve possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *